logo

quarta-feira, 25 de março de 2015

Mãe de Menina: Bonecas, instinto materno e feminilidade

Por Maitê Tosta Camillo

Ser mãe de menina é ser avó bem cedo, de netinhas com os mais diferentes tamanhos, mais diferentes cores de cabelo, mais diferentes cheiros...

Sou avó de uma menininha chamada Raquel, de uma bebê chamada “moranguinho”, e de um “troll” – pelo menos parece um - que minha Bel chama carinhosamente de “bebêzinha”.

Como conviveram com bebês desde cedo (quando Bel nasceu, Esther tinha um ano e meio, mais ou menos, e quando Carol nasceu, Bel é quem tinha um ano e pouco), elas sempre quiseram ter seus próprios bebês, embalando, cantando, e até fingindo “dar de mamar” às bonecas – algumas engraçadinhas, já outras...

Encorajo sempre, mostro como “trocar a fralda”, como se põe o bebê no peito... que se deve segurar firme para o bebê não cair, mas também com delicadeza... e minhas “mãezinhas” gostam de me mostrar como são lindas suas filhas e como estão bem cuidadas.

Engraçado que nenhuma delas “teve” um filho homem... talvez porque não tenham convivido de perto com bebês meninos.

Mais engraçado ainda é vê-las falando com as bonecas usando as mesmas palavras que uso para falar com elas: “vamos papar uma papança gostosa?”; “Vamos ficar sonequinha agora”... elas vão imitar o seu vocabulário específico (imagino eu que toda família tenha o seu – ou será que só eu sou doida e falo com minhas filhas meio tatibitate??).

Carinhosas, embora às vezes de um jeito meio “felícia” (quem assistia desenho animado nos anos 90 vai entender a referência...), meninas são encantadoras, e ainda mais quando encarnam o papel de mães. Irresistível!!!

Para desgosto das feministas, eu trouxe três menininhas ao mundo e estou encorajando, de todas as formas que sei, a feminilidade natural delas. Quero, sim, que gostem de se enfeitar, de cuidar da casa, de cuidar dos filhos. Se elas conseguirem fazer tudo isso e ainda serem CEO’s de empresas multinacionais, palmas para elas! Claro que incentivo nelas o raciocínio, a inteligência... mas entendo prioritário elas desenvolverem plenamente a sua feminilidade. Ser bem-sucedida profissionalmente não significa ter que renegar a essência feminina: a maternidade, seja biológica, afetiva ou espiritual.

Meninas gostam de bonecas! Senhores fabricantes de brinquedos, menos personagens (Monster High, Barbie, Polly, etc) e mais BEBÊS!!!!

Eu dedico esse texto a uma amiga que em breve estará curtindo a sua pequena Valentina, e vivenciando tudo isso que descrevo nos meus textos da série “Mãe de Menina”. Amo esse mundo cor-de-rosa!!!

4 comentários:

Pat disse...

MAITÊ, dá pra perceber que você deve ter tido uma infância muito FELIZ!
Desejo a todas as "avós" de bebês de brinquedo, que continuem criando as filhas com bonecas com cara de gente!

Raquel Suppi disse...

Amei, Maitê!
Também estou apaixonada plo mundo cor-de-rosa que a caçula me fez redescobrir! Não vejo a hora de ser vovó das bonecas dela!

Cynthya.Mello disse...

Amiga Maitê... Chorei!!!
Eu também já falo em 'tatibitate' com a nenê desde que descobri a gravidez kkk....
Somos normais. Rs
Durante muito tempo eu relutei em tocar no assunto maternidade. Tinha medo e queria dar foco na minha vida profissional. Mas Deus com sua sabedoria infinita e amor de Pai, sabia que era preciso ter em minha vida essa experiência única que viesse a me ensinar a pensar apenas no outro.
Sei que a ansiedade tem tomado conta de mim, mas o amor que sinto por minha Valentina do pode ser algo estado por Deus, pois só aumenta a cada dia.
Nunca fui fã de bonecas na minha infância e nem tampouco tinha paciência para ver alguém brincar... Mas Como disse: o Senhor me mandou uma menina...e certamente ela me ensina a ser mais mulher e mãe do que jamais pensei ser. E por ela, jurei que aprenderia tudo o que fosse necessário para que eu a torne a melhor mãe do mundo, assim como ela me tornou sem nem mesmo ter chegado.

Obrigada por citar minha pequerrucha... E mais obrigada por compartilhar suas experiências de vida junto com suas lindas nenecas. Espero verdadeiramente, que nos conheçamos pessoalmente muito em breve!

Mamãe da Valentina 💕

Maite Tosta disse...

Que bom que gostaram!!! bjs bjs

Postar um comentário