logo

domingo, 28 de junho de 2009

O Fim e o Princípio - Eduardo Coutinho

Há uns dez anos atrás, sei que vou ser crucificado pelo que vou falar mas vai mesmo assim, o cinema brasileiro era algo intragável. Com raríssimas exceções só havia lixo.
No entanto como diz o cumpanheiro Lula, nunca-antes-na-historia-deste-paiz o cinema brasileiro prodziu tantas coisas interessantes, obviamente que o cumpanheiro não é o responsável por isto. Uma nova geração surgiu e tanto no campo de documentários como no campo da ficção surgiram obras de bastante peso e atraentes.
Um destes novos, talvez não tão novos, diretores é o Eduardo Coutinho. Especializado em documentários, em sua obra: O fim e o princípio, Coutinho se supera.
Ambientado no sertão da Paraíba, mas inspirado na idéia de Euclides da Cunha: "O Sertanejo é antes de tudo um forte.", Coutinho com uma câmera dinâmica mostra como vivem os brasileiros do semiárido. Focando nas pessoas e não em questões sociais O Fim e o princípio é um emocionante relato de histórias de vida e da filosofia popular dos brasileiros do sertão.

Vale a pena passar para as crianças a partir dos 10 anos!

2 comentários:

Stella Halley disse...

Boa dica! Do Eduardo Coutinho só conhecia "Jogo de Cena". Obrigada,
s.

Marcos B disse...

Já vi. Muito bom. Melhor parte é a do poeta!

Postar um comentário