logo

quinta-feira, 21 de julho de 2011

Era uma vez...

Era uma vez uma mãe e um pai que queriam ter muitos filhos, mas não sabiam nada da vida de família. Seu objetivo era formar uma família grande e bem estruturada.

Os filhos foram chegando, e numa velocidade um pouco maior do que o imaginado, mas todos eram recebidos com a alegria de um primeiro.

Porém, a falta de preparo e experiência foram fatores de grande resistência, e de possíveis grandes erros, que, pela graça de Deus, não foram nada graves.

Cada filho trouxe uma nova modalidade de cuidados e reações diferentes, fazendo com que seus pais buscassem freneticamente conhecimentos maiores, de como tornar mais factível a educação destes filhos e de cada um a mais que chegava.

Toda esta aparente loucura ia se clareando e abrindo novos horizontes, pois as dificuldades levavam a novas descobertas facilitadoras, que tornavam a vida familiar mais agradável e mais bem estruturada.

Um dia, com a garotada já crescida, bem formada e com alguns ainda em formação , esses pais viram o quanto valeu a pena toda a luta, todas as batalhas travadas e todos os sacrifícios ficaram pequenos diante de tudo que foi construído.

Pai e mãe, agora com mais da metade da jornada cumprida, ainda ativos na luta, porque não dá pra parar, por causa dos filhos ainda menores, se curvam diante da evidência maior que mostra que tudo só foi possível porque houve uma confiança total e uma entrega sem limites à Vontade e à Filiação divina.

Quando se põe Deus numa família tudo se multiplica por milhares de vezes, e o sucesso é garantido, mesmo quando existem perdas.

12 comentários:

Stella Halley disse...

Só faltou uma foto desses pais e filhos maravilhosos TODOS juntos!

Educar sem recorrer ao auxílio de Deus torna a missão muito mais difícil! A cada dia isso fica mais claro para mim.

Liana Clara disse...

OI Stella, é difícil uma foto com todos!
O auxílio de Deus é fundamental para conseguirmos levar adiante uma família, com todas as lutas do dia a dia.

Patricia disse...

´Que colírio pros olhos!!! Sabe que meu coração se encheu de alegria, e confesso, uma "inveja SANTA" desse casal e filhos todos lindos de viver, mostrando pro mundo a FELICIDADE DE PODERMOS PARTICIPAR DA CRIAÇÃO DO PAI,enfrentando tantas dificuldades, mas SEMPRE COM AQUEEEEEEEELE SORRISO ESTAMPADO como um FAROL indicando o CAMINHO CERTO PRA DEUS!

Obrigada,pois esse artigo fez minha tarde!
Abraçãaaaaaaaaao EM CAIXA ALTA!
Pat

Liana Clara disse...

Querida Patrícia, sempre com esses seus olhos carinhosos vendo o lado bom de tudo.
Beijos

Cristina disse...

Parabéns!Como em toda grande aventura para se formar uma família é preciso coragem e muita ,toda confiança em Deus .Me parece que vocês escolheram os ingredientes certos.As surpresas ,duras ou doces fazem parte das aventuras. E como diz o velho e bom ditado: quem não se arrisca, não saboreia.

Liana Clara disse...

Tenho certeza de que fomos escolhidos, Deus escolhe sempre os mais fracos e ináptos, pra mostrar a Sua grandeza, Cris.
Mas com certeza é uma grande e divertida aventura.

João Felipe disse...

Parabéns ao casal que, desde cedo, mesmo sem experiência, soube acolher todos os filhos que Deus mandou! Que o texto sirva de inspiração aos novos casais!
Abraço,
João Felipe

Liana Clara disse...

Obrigada João Felipe. O objetivo é este mesmo, mostrar que é possível ter uma família numerosa, com a graça de Deus, é claro!

mg disse...

Liana e Pepe queridos
Que alegria e que saudades me deu ver "as crianças" como naqueles tempos.... parabéns mais uma vez a esse casal maravilhoso que a vida inteira fez a vontade de Deus e continua fazendo com esse exemplo maravilhoso de confiança na providência divina.
Fiquem (continuem com Deus)
Marli

Liana Clara disse...

Olá Marli, saudades nossas! E da ajuda que você sempre me deu, com seus bons conselhos e boas orientações. Como foram importantes naquela época das crianças pequenas! Bjs

Anna Ribeiro disse...

Sente-se claramente nesta família,que ao se entregar nas mãos do Pai, o casal conseguiu formar pessoas maravilhosas,o que prova que ¨ com Deus somos mais que vencedores¨,mesmo num mundo conturbado!
Quanto a mim só tenho a agradecer-lhes pelo meu genro,que é uma bênção!
Bjs.

Liana Clara disse...

Oi Anna e nós aqui só agradecemos pela nora que temos!! Não podia ser melhor. Bjs

Postar um comentário