logo

terça-feira, 9 de dezembro de 2014

Um filme para toda a família – Irmã Dulce

Por Patricia Carol

Acabo de chegar do Estação Net Ipanema, 2ª sessão da tarde, onde assisti a esse lindíssimo e muito bem feito filme. Como era 6ªfeira e as pessoas ainda estão no trabalho, tinha pouca gente, além de várias freiras e um ou dois padres. Acredito que se bem divulgado, será visto por muita gente!

Conta desde o início da vida dela, quando ainda menina acompanhava a mãe na distribuição de pães pros sem teto e nas casas mais pobres em Salvador.

A época seguinte veio com a entrada dela no convento. Muito moça, desde o início ela não obedecia sempre as ordens da Superiora, e era chamada a sua atenção. Ela insistia em andar na rua à noite, entrando em qualquer beco onde encontrava alguém caído ou doente, e deixava entrar no convento as pessoas que trazia das ruas. Durante seus percursos pedia sempre esmolas para "os seus pobrezinhos".  Numa ocasião, com a mão estendida para pedir esmola a um homem, ele cuspiu dentro da mão, então ela olhou, sorriu para o homem e disse, estendendo a outra mão: "essa primeira foi pra mim... agora esta outra mão é para os meus pobres”.

Irmã Dulce resolveu transformar o galinheiro do convento em abrigo e centro de atendimento para doentes. Em uma ocasião, ela estando tão fora das normas da Ordem, foi visitada pelo então bem jovem Dom Eugênio de A. Salles, junto com a nova Irmã Superiora. Ele com muita compreensão sugeriu, que Irmã Dulce continuasse sua tarefa de assistência aos necessitados ficando responsável pelo convento, morando sozinha ali, e assim, também estaria poupando a "boa fama" das outras irmãs. Aquelas seriam encaminhadas para outros conventos da Ordem.  Foi uma decisão muito sofrida para todas, pois se gostavam muito. Assim ela ficou sozinha algum tempo, até seu pai conseguir uma autorização para ser reintegrada no convento normal.

O filme mostra várias cenas lindas mostrando as amizades de vida toda que ela formava com vários dos seus protegidos, colocando-os no bom caminho.

Mais para final mostra a visita do Papa João Paulo II ao Brasil. Vários sacerdotes e autoridades da Igreja foram chamados para cumprimentar pessoalmente o Papa, mas, pelos noticiários da televisão, observaram que a Irmã Dulce não tinha sido chamada para essa aproximação com o Papa.

Um de seus protegidos começou a reunir todas as pessoas que a Irmã Dulce ajudara, e acabaram enchendo um local imenso com essas pessoas, ele bem na frente dela a chamou, só com os lábios "Minha Mãe" e ela também olhou para ele com muita ternura. Diante dessa aclamação tão ruidosa dos mais necessitados, e de todos que conheciam o trabalho da Irmã, ela foi finalmente chamada para subir no local onde cumprimentariam o Papa pessoalmente.

Desde o início de sua Obra Social ela havia procurado o Prefeito de Salvador, o Governador e outras autoridades para que construíssem locais para abrigar esses necessitados. De tanto insistir, criaram o Hospital que ela tanto queria, só pra acolher os pobres e os moradores de rua, se tornando uma grande e reconhecida Obra de Deus.

Outro fato marcante da sua vida foi a sua condição de saúde muito abalada por problema nos pulmões, mas que ela não deu a menor atenção para o fato, e continuou vivendo muitos anos mais, além dos que os médicos previram.

Vale muito a pena assistir este filme recém-lançado nos cinemas.

3 comentários:

Maite Tosta disse...

Olá Pat !! Muito obrigada por essa super dica e por contar um pouco da história dessa figura exemplar!!! Bjs e Deus te abençoe!!!!

Pat disse...

Oi, Maitê!

Que bom que te interessou...acho que ainda pode estar em cartaz. Mandei pro Blog mais 2 dicas de lançamentos desta semana, um no Estação Cândido Mendes, em Ipanema(Mil Vezes Boa Noite) e o outro no Estação Net Ipanema(ELSA & FRED). Adorei os 2!
Bjssssssssssss,
Pat

Jaqueline Melo disse...

É um filme lindíssimo que relata a história de uma verdadeira cristã que dedicou toda a sua vida aos irmãos e ajudou a todos que dela necessitavam, ainda que isso custasse sua própria saúde! Ameeeeeeeeeeei demais esse filme e é uma pena que esteja sendo exibido em poucas salas, por isso, corram para assistir! É maravilhoso!

Postar um comentário