logo

quinta-feira, 17 de janeiro de 2013

Maquiagem x Calor (E que calor!)

Por Maria Teresa Serman
As temperaturas têm estado em alturas nunca vistas antes, por quase todos nós; o sol, inclemente; a maquiagem, se desfazendo como a de palhaço que chora. Então, aí vão algumas dicas para segurar mais os produtos e proteger a pele.

Em primeiro lugar, limpeza. No verão, para peles mais oleosas, sabonetes ou gel de limpeza são ideais. Se incluírem ativos anti-oleosidade, como ácido salicílico, melhor ainda. Para a pele seca ou madura, mais delicadeza, observando ainda que, quanto mais se tira a oleosidade, mais o corpo repõe. Logo, não se pode ressecá-la, e sim equilibrar o tônus facial e corporal.
Para limpar em profundidade, a máscara de argila é essencial, uma vez por semana, seguida de loção adstringente ou calmante.

Cremes adequados para quem precisa - é bom lembrar que a pele oleosa também necessita de hidratação, que lhe fornece umidade, não óleo. A seguir o filtro solar, alguns de toque seco, outros mais específicos que controlam a produção de óleo. Não fazemos propaganda de produtos, há variados e ótimos, mas nesse aspecto existe um bom, da ROC, Minesol oil-control.

Iniciando a maquiagem, o primer auxilia sua duração e contribui para corrigir falhas. A base pode ser fluida, sem óleo, para peles oleosas, ou mais espessa, para ocultar manchas, mas sem pesar a mão. Aplique com um pincel próprio ou uma esponjinha triangular, à venda em lojas ou farmácias. Vêm quatro delas, são pequenas e práticas, inclusive para espalhar corretivo e limpar excessos, elevando a sombra esfumada no canto externo do olho. Se quiserem um efeito mate (seco), como eu, apliquem um pó translúcido com pincel adequando, nunca a velha rodela peludinha que vem(ou vinha) nos estojos. Esta fixa o pó com muita força, fazendo placas sem uniformidade. Desta vez a dica é mais popular e barata: pó facial da Payot, antigo e eficiente, ainda contém um brilhinho sutil que deixa a pele mais bonita.

Pulei o corretivo direto para o pó. Já dissemos aqui que o corretivo deve ser aplicado com leves toques, ou pincel, antes da base, em tom conveniente ao da pele, senão em vez de ocultar vai mascarar. Sinto recomendar algo que pesa no bolso, mas o melhor, para mim e muitas,  é o incomparável Effacernes, da Lancôme. Fácil de aplicar, com textura que não marca linhas de expressão, e dura bastante. Não reaplique o corretivo jamais, a não ser que ele tenha desaparecido completamente. Mesmo assim, uma leve camada. O melhor é retocar com iluminador, e aí vai mais uma recomendação onerosa, mas perfeita: Touche Éclat, de Saint Laurent, para levar na bolsa sempre.

Blush em pó ou tonalizante também em pó. Pode-se usar o segundo para conferir um efeito luz e sombra, aplicando na base das maçãs do rosto - consegue-se acertar o lugar fazendo biquinho e assim secando as bochechas - e subindo pelas laterais do rosto até a sobrancelha. O blush é então aplicado suavemente na parte mais carnuda da bochecha, para dar um toque de sol. Ah, o tonalizante deve ser aplicado ainda no meio do rosto, para parecer bronzeado. Faça uma linha vertical, com mão leve, descendo da testa até o queixo.

O resto fica para o próximo capítulo, digo, texto.

3 comentários:

Stella Daudt disse...

Ah, então são esses os truques do seu look ravissant!

MªTeresa disse...

Oi, Stella
Adorei o "ravissant", mas infelizmente é sua boa vontade que o enxerga, muita gentileza sua. Maquiagem ajuda, e não precisa ser exagerada, mas inteligente, ressaltando os pontos fortes.
Adoro suas dicas de filmes, e estou procurando na locador o Shirley Valentine, que vi há muito tempo. Qdo encontrar eu digo, bj

Liana Clara disse...

Blog também é cultura, acabei de aprender o que é "ravissant". rsrsrs
Quanto ao filme que a Stella sugeriu outro dia, eu consegui me dar de presente de aniversário, e comprei pela livraria Cultura e deve chegar na próxima terça. Depois empresto para as amigas verem e reverem.
Beijos

Postar um comentário